quinta-feira, 21 de outubro de 2021

Venus vs. Marte: novo single “Ocean” é lançado pelos riosulenses

No dia 15 de outubro, a banda riosulense Venus vs. Marte difundiu seu novo trabalho, trata-se do single “Ocean”. A canção é a primeira faixa a ser divulgada esse ano pelos músicos.


Foto/Divulgação

Com 04:34min, a canção flerta com o Indie Rock e também através do Pop com traços eletrônicos. Na pegada Beach Bunny, Girl In Red, Edward Sharpe & The Magnetic Zero e The Lumineers, o grupo apresenta uma sonoridade cadenciada e síncrona. A composição é uma imersão sinestésica existencial, ou seja, transmite sensações diferentes através dos versos intimistas, principalmente no refrão.

A banda foi formada na cidade de Rio do Sul em 2016. O grupo aposta na versatilidade de estilos, caracterizados ora por vertentes mais eletrônicas, ora pelo rock experimental. O grupo possui seis trabalhos divulgados, o EP “Elements” e os singles, “Fire”, “Snow”, “Galaxy”, “Air” e o mais recente “Ocean”. Em 2019, os riosulenses investiram no audiovisual, ao lançar o videoclipe de “Fire”, que traz a dança como uma manifestação de representatividade e também artística.

Foto: Divulgação/Redes Sociais

Formação Atual:

Camila Alves

Emanuela Bilk Lopes

Rafaela Dalcanale 

Aline Ramos 

Leonardo Minatti 


Plataformas virtuais:

Facebook

Instagram

Spotify

YouTube


quarta-feira, 20 de outubro de 2021

Lost Pines: banda estreia seu trabalho com videoclipe de “The Rope”

Os músicos brusquenses da banda de Rock Progressivo, Lost Pines, divulgaram na última sexta-feira (15) o videoclipe da música “The Rope”, que foi lançado juntamente com o single.

O vídeo possui uma imagem retrô que contrasta com a sua temática atual, o trabalho estressante, o cotidiano entediante e a pressa do dia a dia. O vídeo é seguido pelo rompimento dessa realidade por parte do protagonista e as consequências dela.

A letra também reflete essa temática, narrando sentimentos de solidão através da sonoridade, que lembra o Rock Alternativo do início dos anos 2000, combinado com riffs que nos remetem a música Progressiva.

O single é parte do primeiro álbum de estúdio da banda, “Apotheosis”, que ainda não tem data de lançamento. A gravação e produção de áudio foi feita no Tobias Blues Studios, enquanto a direção do vídeo ficou por conta de Victor Bigliardi.

Foto/Divulgação

Formação atual:

Alexsander (Bateria)

Ruan Pedrini (Guitarra e Vocal)

Welingtton Conte (Baixo e Vocal)

 

Plataformas Virtuais:

Facebook

Instagram

Spotify

YouTube


terça-feira, 19 de outubro de 2021

Carcanhá: Banda blumenauense de hardcore lança EP “Dois Mil e Vinte e Um”

Na última sexta-feira (15), a banda blumenauense de hardcore, Carcanhá divulgou o EP, denominado “Dois Mil e Vinte Um”, lançado de forma digital.

Foto/Divulgação

A pandemia do Covid-19, que resultou no cancelamento de eventos, assolou todos que já eram acostumados a estar nos palcos. Essa situação fez com que muitas bandas colocassem um ponto final na sua história, mas o caminho foi totalmente inverso com a Carcanhá.

Após um breve hiato, os músicos resolveram voltar às atividades em 2020, e foram pegos de surpresa pela pandemia. Porém, esse motivo não foi suficiente para interrompê-los.

A banda contou com a ingressão de Nano Henning na guitarra, que concretizou a nova formação do grupo. Ainda no mesmo ano, ocorreu o lançamento do single “Fúria!”, trabalho que precedeu o EP “Dois Mil e Vinte e Um”.

A inspiração dos músicos foi um reflexo da angústia enfrentada por quem estava isolado em casa. As cinco faixas inéditas, demonstram a revolta com o cenário sócio-político, e o peso do cotidiano. O EP foi produzido por Nano Henning, e a capa foi assinada pela artista Camila Firmo.


Sobre a Banda:

A Carcanhá é uma banda de Blumenau – SC, formada em 2015, que mantém a chama e o ideal do Punk Rock totalmente ativo através de suas letras bem-humoradas, de crítica social e revolta. Em 2018 lançaram o EP “(Não Tenha) Políticos de Estimação”, seguido pelo EP ao vivo deste mesmo trabalho.

 

Formação Atual:

Edenilson (Vocal)

Nano Henning (Guitarra)

William (Baixo e Vocal)

Guilherme (Bateria).

 

Plataformas Virtuais:

Facebook

Instagram

Spotify

YouTube


segunda-feira, 18 de outubro de 2021

Rômulo Carvalho: “Uniforme Azul” permeia nostalgias evidenciadas pela classe de 96

Há uma semana, o cantor e multi-instrumentista blumenauense Rômulo Carvalho, divulgou seu novo videoclipe “Uniforme Azul”. A faixa é o terceiro single do músico lançado somente este ano e estará inclusa no disco “Bem-Vindo ao Fim”, com data indefinida para a difusão.

O audiovisual traz referências clássicas dos primórdios da internet e da cultura Pop dos anos 90, tais como MSN, Nintendo, filmadoras, Bamerindus, Windows 98, MTV, entre outros momentos gravado ora num quarto, ora em um bar, personificando nostalgias vivenciadas por um grupo de amigos da adolescência que se encontram depois de 25 anos. A letra casa perfeitamente com o clipe, principalmente ao evidenciar versos como, “lembranças das histórias que aquecem o coração” e “quantas fotos revelei, nas retinas eu guardei imagens que não vão se amarelar” que conectam de forma harmônica, ao instrumental cadenciado e com alternância de riffs.

Foto: Reprodução

Rômulo iniciou suas atividades musicais aos 12 anos de idade. Em sua trajetória, já tocou teclado, guitarra, violão, entre outros instrumentos, sempre pendendo para influências do Rock n Roll, Folk Rock e Punk. Abordando letras que tratam sobre o cotidiano e as transformações na interação humana, o músico vem se destacando no que tange ao cenário musical catarinense.

Em 2019, o blumenauense lançou seu primeiro single “Bem-Vindo ao Fim”, que seguidamente foi procedido por “Guardei”, ambas possuem videoclipes disponíveis nas plataformas virtuais de Carvalho. Em 2021, o multi-instrumentista difundiu as faixas, “Até o Fim”, “Dose Ilimitada” e a mais recente “Uniforme Azul”.

Plataformas Virtuais:

Facebook

Instagram

Spotify

YouTube


quinta-feira, 14 de outubro de 2021

Fantástico Caramelo: No intervalo de uma semana, banda divulga videoclipe e disco

No dia 03 de outubro, a banda riosulense Fantástico Caramelo, divulgou seu videoclipe, denominado “Tchuru”. A faixa está presente no álbum “Em Quatro Três Dois”, que contém oito canções e foi lançado essa semana.

O audiovisual é totalmente conectado com a composição, uma vez que enfatizam a psicodelia como centralizadora do enredo. As frases repetem, movimentos em loop e efeitos visuais personificam os versos proferidos pela vocalista Nayara. O instrumental flerta com o experimental, mas apresenta uma boa dose de Pop e Indie Rock.

A banda iniciou suas atividades em dezembro de 2020, por músicos reconhecidos do cenário do Alto Vale catarinense e detentores de grupos como, Liss, Canibais Vegetarianos, Vênus vs Marte, Bote Espacial, Soul Roots Reggae, The Bike Duo, Shipmlik entre outros. O seu diferencial é a proposta plural, o investimento em clipes e consequentemente, as nuances das composições recheadas de metáforas.

As influências musicais que rondam cada referência da Fantástico Caramelo são vastas, Céu, Yma, Rita Lee, Os Mutantes, Boogarins, Maglore e Bidê ou Balde, Pavement, Pixies, The Black Keys, Tame Impala, Parcels, Crumb, entre outros artistas.

Recentemente, os músicos difundiram seu primeiro disco, uma espécie de Rock Alternativo, com miscelânea diversas, sendo essa, uma das principais características dos riosulenses.

“O nome do álbum vem do ato de ouvir a frequência natural 432 Hz, que faz com que possamos expandir a nossa consciência e possibilitar um nível maior de percepção sobre a nossa realidade e controle de nossos pensamentos. Com o mesmo princípio, nós afinamos os instrumentos na mesma frequência e somamos letras melódicas e existenciais à composição”, explica Nayara Lamego, cantora da Fantástico Caramelo.

Foto/Divulgação


Formação Atual:

Nayara Lamego (Vocal)

Henrique Marquez (Guitarra)

Gabriel Alves (Guitarra e Sintetizador)

Diego Pereira (Baixo)

Marcelo Sutil (Bateria)

 

Plataformas Virtuais:

Facebook

Instagram

Spotify

YouTube


quarta-feira, 13 de outubro de 2021

Guto Ginjo: Músico aposta em novos caminhos no videoclipe de “Boa-Nova”

Na última quinta-feira (07), o músico joinvilense Guto Ginjo, já conhecido por seu trabalho na banda Fevereiro da Silva, divulgou o videoclipe da canção “Boa-Nova”, faixa presente no seu novo álbum “Sobre o Que Tem pra Depois” (2021).

O audiovisual tem um enredo focado no cotidiano, porém, inova ao ter como protagonista os pés. A caminhada que acompanhamos no clipe, surge como uma alusão a liberdade e independência, que são temáticas centrais da composição.

A sonoridade nos remete ao Rock setentista, ao mesmo tempo que conta com uma miscelânea de estilos que formam a identidade do novo projeto do vocalista. O resultado disso é um trabalho divertido, recheado de referências, e com uma melodia que nos conquista desde os primeiros riffs.

Foto/Divulgação

Sobre o artista

Guto Ginjo é um experiente compositor e multi-instrumentista, lembrado por ser integrante da banda joinvilense Fevereiro da Silva. O músico tem como obras similares, o projeto Guto Bemposta e seu recente trabalho de forma solo. Recentemente, ele lançou três singles que estão presentes no seu primeiro disco, divulgado esse ano, sob a denominação “Sobre o Que Tem pra Depois”. 

Plataformas Virtuais:

Facebook

Instagram

Spotify

YouTube


terça-feira, 12 de outubro de 2021

Goaten: Novo EP “Crimson Moonlight” tem data de lançamento anunciada

No dia 20 de outubro, a banda gaúcha de Heavy Metal Goaten, lançará seu novo trabalho, trata-se do EP “Crimson Moonlight”. O mais novo trabalho do trio proveniente do Vale do Rio dos Sinos, conta com cinco faixas gravadas no estúdio Hurricane, em Porto Alegre.

Foto/Divulgação

O material será lançado de forma física pela Cianeto Discos, e nas principais plataformas virtuais de streaming. Além disso, até o final do ano, haverá uma edição especial em K7, lançada pelo selo Tcheco Tapes of Terror Records. O Power Trio também trabalha na pré-produção do seu primeiro álbum, previsto para 2022.

Sobre a banda

Os músicos formaram o grupo em 2018, na cidade de Porto Alegre. Um ano depois, movidos pela chama do Metal, difundiram dois singles, “Soul Decay” e “Mistress Of Illusion”. E a partir disso, com o reconhecimento no cenário local, foi convidada a ingressar em alguns festivais como o Agosto Negro, em Laguna.

Foto/Divulgação

Em 2020, os gaúchos lançaram o primeiro Ep, denominado “The Following”. Divulgado pela Cianeto Discos, o material conta com cinco faixas e obtém ótimas avaliações pela crítica especializada.

 

Formação Atual:

Francis Lima (Vocal e Baixo)

Rafael Drinkwine (Bateria)

Daniel Limas (Guitarra)

 

Plataformas Virtuais:

Facebook

Instagram

Spotify

Youtube


Postagens mais antigas → Página inicial

DEIXE SEU LIKE

ESTATÍSTICAS