sexta-feira, 19 de agosto de 2016

Maquinários

Metal de qualidade feito por quem entende muito sobre o estilo!



 A banda Maquinários fora formada no ano de 2009 na cidade de Palmas-TO mas migrou em 2012 para Chapecó. Ao longo do tempo o grupo foi modificando sua sonoridade que era uma pegada de Southern e adaptando para um Heavy Metal, Hard Rock e Stoner.

O intuito do grupo é fazer músicas relacionadas a questões humanas e existenciais, fugindo dos clichês e de letras com conteúdo superficiais, afim de apenas fazer a reflexão individual em relação ao mundo.

Em 2013 os músicos lançaram o Ep “Seis Milhas Para O Inferno”. Ele contou com quatro músicas, a homônima “Seis Milhas Para o Inferno”, “Além da Estrada”, “Sentido Contramão” e “Cinza Espúrio”.  Fora produzido por Marcelo Pompeu e Heros Trench no Mr Som. O álbum foi muito bem recebido pela mídia do Metal e contou com uma grande visibilidade perante ao público.



No ano de 2014 a banda tocou no Programa ShowLivre apresentado por Clemente Nascimento no YouTube. Foram agraciados por ser a primeira banda de Metal catarinense a se apresentar no programa.



Em 2015 os músicos lançaram “Intacto”, álbum este produzido novamente pelos integrantes do Korzus, Marcelo Pompeu e Heros Trench, tendo a arte gráfica assinada por Olivier DZO. O disco conta com nove músicas, “Um Grito Na Escuridão”, “Desgovernado”, “Além Da Estrada”, “Veneno, Sangue e Destroços”, “Ignição”, “Vulto Negro”, “Anjo Ou Réu”, “Seis Milhas Para O Inferno” e “Intacto”.



No mesmo ano o grupo lançou o videoclipe “Um Grito Na Noite”. Ele foi produzido por My Name Is Films, contou com a produção de Jessica Mendonça e edição de Victor Ponce. O clipe já conta com 36.000 exibições no YouTube, sendo divulgado pela MTV e no ShowLivre. A música tem uma sonoridade que remete a Rock n Roll e Stoner e tem sua temática baseada nos transtornos existenciais. Um destaque positivo dos músicos foi o fato de tocarem em português, possibilitou maior difusão do material em território nacional e críticas positivas.



A boa receptividade da mídia catarinense perante ao álbum e ao videoclipe, possibilitou a banda a concorrer em grandes premiações, com destaque para o da Música Catarinense. No final de 2015 foi considerada por voto popular como a melhor banda catarinense do ano.

As influências da banda são Black Sabbath, Motorhead, Project 46, Down, Black Label Society, JackDevil, Nervosa, Orchid, Hellyeah, Havok, Mastodon, Carro Bomba, Valvera, Desert Dance, Matillha e Sioux 66.

Em janeiro de 2016 a banda divulgou um webclipe da música “Intacto” onde fora gravado no Teatro Municipal de Chapecó. O clipe já alcançou mais de 2.500 visualizações no YouTube.





Atualmente o grupo está no processo de composição do novo álbum que soará um pouco diferente do “Intacto”, pois trará uma sonoridade mais pesada. Mas dessa vez o disco contará genuinamente com a produção da própria banda. Ele não tem data de lançamento ou divulgação.

Os integrantes são Watson Silva (Vocal e Guitarra), Mateus Andrighi (Baixo) e Diego Massola (Bateria).

A Maquinários já abriu para grandes bandas como Krisiun e Motorocker. E no final do ano estará tocando no Maniac Metal Meeting em Rio Negrinho, festival esse que contará com renomadas bandas brasileiras e internacionais. Dentre elas Violator, Vulcano, Krisiun, Hirax, Miasthenia, Anthares e Hibria.



As plataformas virtuais são as seguintes:





← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário