quinta-feira, 15 de abril de 2021

Aline Amorim: A voz encantadora da MPB que está conquistando Santa Catarina

A cidade de Lages – SC, é um berço para a música catarinense, de lá saíram Expresso Rural, Lenzi Brothers, Quarteto Coração de Potro, Orquídea Negra, João Vedana e tantos outros artistas renomados em seus respectivos ritmos ou estilos.

A MPB tanto na Serra Catarinense, quanto no estado de Santa Catarina, gradativamente vem crescendo e trazendo novos nomes, que emergentes trazem conexões com artistas regionais, desenvolvem um estilo ímpar de composição e transcendem o que de mais belo há, na musicalidade brasileira.

Dona de uma voz encantadora, a musicista e compositora Aline Amorim, vem se destacando no que tange à música popular, R&B, Bossa Nova e Soul. A artista começou sua carreira fazendo releituras de clássicos da música. Em seu canal do YouTube, é possível encontrar covers, desde Jorge Ben Jor, Caetano Veloso, Toquinho, Liniker & Os Caramellows, até Eddie Vedder, Queen e David Bowie.

Foto/Divulgação


Além do seu trabalho solo, a musicista possui uma banda chamada Raccoon Club, onde há desde Sinatra até músicas autorais. Através do grupo, a cantora mostrou toda a potência vocal e sua performance surreal nos palcos.

Em uma reportagem feita pelo Diário Catarinense, a artista deu detalhes sobre o seu primeiro Ep “Sons Que Me Tocam”, que foi lançado no final de fevereiro e possui três canções, das quais, cada uma faz parte de uma fase distinta da vida da compositora. Em seu canal, ela explica um pouco de cada faixa, seja relacionada a composição, referências, influências ou o modo que fora feita cada canção.

No início desse ano, Aline difundiu o videoclipe da música “Despertar”. A faixa que está presente no material divulgado, enfatiza a simplicidade dos pequenos detalhes, e as cenas cotidianas, como a chegada dela na casa da pessoa que ela gosta e da calmaria personificada em cada nota do violão. No vídeo, foi usado uma técnica de fotografar quadro a quadro e criar movimentos a partir disso.

Recentemente, a cantora lançou o clipe de “Único Fim”. No audiovisual, Aline aposta nas nuances de sua performance no palco e em alguns takes na trama, ao passo de evidenciar as excelentes atuações dos atores Marcio Rosa Machado e Marcelo Regueira. A letra personifica um momento ruim que a musicista estava passando, através de um sonho que teve onde ela morria.  Então, em virtude disso, a cantora solidificou o recomeço, e colocou como objetivo, transpassar sua arte como legado, uma vez que no sonho, se sentira impotente por não ter dado continuidade com seus materiais. Então, a música abre um elo como uma epifania e de acordo com isso, é possível perceber cada sentimento proposto pela compositora, seja dos mais profundos aos mais sutis.


← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

DEIXE SEU LIKE

ESTATÍSTICAS