segunda-feira, 17 de maio de 2021

Cucas de Arabutã: Duo aposta no intercâmbio cultural e na simplicidade da vida interiorana

A simpática cidade de Arabutã, no oeste de SC nos revela gratas surpresas. Além de ser conhecida pela colonização alemã, outro fato extremamente interessante chama a atenção, o nobríssimo título de Capital Nacional da Cuca.

Foto/Divulgação

E partindo desse pressuposto, com integrantes da cidade vizinha Concórdia, dois amigos Renan Bernardi e Matheus Francez se reuniram para homenagear o município e juntar o útil ao agradável, ao desenvolver um projeto de MPB que trouxesse a cultura e as peculiaridades locais, da pequena cidade catarinense. Assim surge, a “Cucas de Arabutã”, com um nome totalmente sugestivo e com o intuito de dialogar com outras linguagens regionais e culturais, seja do Brasil ou do exterior.

As músicas levemente cadenciadas e personificadas através de um som experimental são conexões com o cotidiano, referências nas letras, com a simplicidade do dia-a-dia e também lembradas pela miscelânea de ritmos, além da contextualização da vida no interior. Um ano depois da fundação do grupo, os músicos decidiram difundir seu primeiro trabalho, “Em Performance”.


Em forma de live no YouTube, o álbum possui cinco faixas, “Pássaro de Aço”, “Chico Buarque Alcoolizado”, “Senhora”, “Cerveja Gelada” e “Onde Tá o Vento”. Com arranjos simples e harmônicos, o duo conseguiu transpassar através de suas letras, filosofias de botecos, situações corriqueiras e a calmaria habitual.   

Plataformas Virtuais:

Instagram

YouTube


← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

DEIXE SEU LIKE

ESTATÍSTICAS